11 julho, 2018

Compota de pimento vermelho, um regalo!

Num jantar de amigos e familiares servi esta compota com queijo de cabra.
Todos gostaram mas ninguém acertou no ingrediente principal: pimento vermelho.
Foi uma risota quando o “apresentei”.
Faça como eu, use e abuse desta compota. Com queijo, carne assada ou barrada numa simples tosta, o seu sabor é inigualável.
Acredite!

Ingredientes:
. 1 kg pimentos vermelhos (limpos de núcleo, partes brancas e sementes)
. 500 g açúcar
. 2 colh. (sopa) água
. raspa de limão
. pau de canela

Preparação:
Retire o núcleo de cada um dos pimentos, as sementes e as partes brancas. Descarte.
Corte em quartos e deite num tacho com os restantes ingredientes. Cozinhe em lume brando.
Retire o pau de canela e triture o preparado (não triture demasiado, deixe que se trinquem bocadinhos de pimento). Volte a deitar no tacho e leve ao lume.
Agora, tem de estar atenta para a compota não pegar ao fundo do tacho.
Logo que forme estrada no fundo tacho retire do lume e deite em frascos esterilizados.
(Esta compota reduz imenso pelo que aconselho que dobre os ingredientes se pretender preparar uma quantidade considerável. Com os ingredientes acima enchi apenas 1 frasco pequeno.)
Experimente!

Dicas:
- Se a compota cristaliza é porque tem excesso de açúcar. Leve-a ao lume, junte águas aos poucos e deixe ganhar ponto.
- Se a compota fica líquida é porque o ponto devido não foi alcançado. Leve-a ao lume e deixe que ferva até o ponto ser alcançado. Não se afaste do fogão e vá mexendo sempre.

2 comentários: